quarta-feira, 3 de julho de 2013

Xô, tosse chata!

Muitas da minhas amigas que tem filhos da mesma idade da Malu tem comentado que os pequenos estão tossindo muito. Acho que é um problema bem comum nessa época do ano, né?

A Malu estava super bem, mas uma tosse chata resolveu incomodar essa noite... Esperei um pouco para ver se passava, mas como ela continuava a tossir, levantei e dei o xarope homeopático que tem ajudado muito. Ela tossiu mais um pouco e, cerca de 1 hora depois, estava dormindo e não tossiu mais. Daqui a pouco eu falo mais desse xarope.

Apesar dessa "tossezinha", que ataca de vez em quando, ou um narizinho escorrendo um pouco, a Malu está iniciando esse inverno super bem de saúde! Nessa mesma época do ano passado ela não estava tão bem, tinha muito chiado no peito e infecções respiratórias que nos obrigavam a visitas quase semanais ao pediatra e me fizeram ficar 15 dias com ela em casa. Depois de um tratamento de reforço imunológico com aromaterapia e devido ao seu próprio crescimento, hoje ela está muito mais resistente! Que continue assim!

Vamos falar um pouco sobre a tosse:
Com a chegada do frio, poluição, ambientes fechados, ar seco conspiram em favor das gripes, resfriados e alergias que, com freqüência, tem a tosse como companheira. As crianças menores são as que mais sofrem. "Estão mais sujeitas porque ainda não têm o sistema imunológico bem desenvolvido", afirma o pediatra Francisco Antonio Dutra Rodrigues. Ele lembra que a tosse incomoda, mas é um mecanismo de defesa. A pediatra Ana Maria Escobar explica: "Quando o ar cheio de poeira penetra nas vias aéreas, a mucosa produz uma grande quantidade de secreção para expulsar o agressor".

Produtiva e seca
Há tosses e tosses. As características principais as dividem basicamente em dois grupos: a produtiva, que ajuda a expelir o catarro, e a seca, que lembra o latido de um cachorro e ocorre sem secreção. "Na laringite, a tosse é rouca. Na asma, é inicialmente seca e irrita a garganta. Na sinusite, a tosse alterna-se entre seca e produtiva, que piora ao deitar", relata o pediatra Dutra. Apesar dos desconfortos, os especialistas ressaltam que a tosse raramente merece ser combatida. "Apenas quando chega a atrapalhar as atividades normais da criança", diz a pediatra Ana. Sendo assim, podem entrar em cena os xaropes antitussígenos, que inibem a tosse seca, ou os mucolíticos, que ajudam a dissolver o catarro, facilitando a expectoração. Só que remédio para tosse tem de ser indicado pelo pediatra. Não se deixe influenciar por conselhos de amigos, como aconteceu com a enfermeira Cláudia Migliori, mãe de Maria Luiza, 2 anos. Acatando palpite alheio, deu um xarope à filha que estava resfriada e levou bronca do pediatra. Foi orientada a driblar a tosse com soro fisiológico nas narinas, inalação e vaporização. "Segui a dica, quando Maria Luiza apareceu com tosse outra vez, até levá-la ao médico. E a tosse era por causa de uma bronquite asmática. Nesse caso, o médico explicou, um xarope contra a tosse poderia agravar o desconforto respiratório da minha filha."

Noite difícil
Quando a tosse ataca à noite, as mães logo pensam num leitinho quente para confortar o filho (menos eu, né? Já que a Malu não pode tomar leite! kkkkk). Esqueça essa idéia. Segundo os pediatras, líquidos quentes dilatam os brônquios e isso piora a tosse. O melhor, para aliviar o problema momentaneamente, é levantar um pouquinho a cabeceira da cama para a criança dormir e pingar no nariz mais soro fisiológico. Veja outras dicas:
- Durante o período da tosse, ofereça muito líquido à criança. Favorece a dissolução do catarro.
- Na hora do banho, mantenha o local bem fechado e incentive seu filho a aspirar. Vale quase por uma inalação.
- Pratique a tapotagem: leves tapas nas costas da criança, na altura dos pulmões, ajudam a desgrudar o catarro.

Fonte: Crescer - Notícias

Gostei muito dessas dicas e vou colocar em prática! Mas voltando a falar do xarope homeopático... Ele chama-se Stodal, foi indicado pela amiga Clara, mãe do Davi, e, por ser homeopático, confesso que acabei dando por conta própria para a Malu... Mas depois falei com o pediatra dela e ele liberou (Ufa!).

Quando dei esse xarope para a Malu a primeira vez, ela estava com uma tosse persistente, tinha crises muito fortes toda noite e parecia que ia se engasgar! O pediatra dela havia indicado outro xarope (Acetilcesteína), mas não fazia nenhum efeito. Depois da primeira dose do Stodal, a pequena dormiu a noite toda e com 5 dias de tratamento, a tosse sumiu (só voltou essa noite e mesmo assim com bem menos força). Desde então, esse é o xarope da Malu.

Para saber mais sobre o xarope, acesse aqui.

* Gostaria de esclarecer eu não ganho nada com a indicação desse xarope, não tenho nenhuma ligação com o laboratório que o produz e nem com quem o vende. A minha intenção é apenas compartilhar uma informação que pode ajudar outras mães que passem pela mesma situação e não substitui a orientação do médico pediatra em nenhuma hipótese.


7 comentários:

  1. Lu, sabe que vc comentou algo que me veio na mente só agora: aquele tratamento de aromoterapia que adquiri da Deivi, fiz por cerca de 2,3 meses, e desde então, Isabella não 5teve nada respiratório... acho que se deve à isso, fortaleceu o sistema imunológico.
    Nunca usei o Stodal, mas se um dia precisar, obrigada pela dica.

    bjo!

    ResponderExcluir
  2. Oi, Claudinha! Pois é, aquele tratamento da Deivi é muito bom. Antes dele a Malu vivia doente, depois até pega um resfriado de vez em quando, mas se recupera muito mais rápido! Espero que você não precise de xarope tão cedo, mas precisando o Stodal é mesmo muito bom!
    Beijinhos para você e para a Gá!

    ResponderExcluir
  3. Entrei nesse post em busca de informações do Stodal e fiquei curiosa sobre esse tratamento com aromaterapia para fortalecer a imunidade... tenho uma filha de 2 anos e 5 meses que tb tem episódios recorrentes de gripes/tosses/viroses...
    Joguei no google "aromaterapia deive" e não achei nada... rs
    Agradeceria muito se pudesse me falar!
    Obrigada!
    Bianca

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Bianca
      Essa é a página da Aromatiba,da minha amiga Deivine Tiba, que fez o tratamento da minha filha: https://pt-br.facebook.com/aromatiba.
      Beijos!

      Excluir
    2. Nossa, só vi sua resposta agora... Vou dar uma olhada... muito obrigada! :-)

      Excluir
  4. Olá!
    Vc sabe se esse Stodal, por ser homeopático, eu posso dar para meu filho por mais de 5 dias?
    Essa tosse danada não passa

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Ana
      Eu não costumo dar mais de 5 dias. Quando a tosse persiste, eu penso que o melhor é consultar o pediatra. Melhoras par ao seu pequeno.

      Excluir

Muito obrigada pelo seu comentário!
Eu respondo por aqui. Volte para dar uma olhadinha na resposta.
Se precisar de uma reposta mais urgente, mande um e-mail lucianawinck@hotmail.com
Beijos!