quinta-feira, 26 de setembro de 2013

Tudo vai passar

Eu estava procurando um assunto para escrever no blog, quando a amiga Clara postou este texto no grupo de mães do facebook:

"Tudo vai passar.
Eles vão crescer e dispensar nosso colo.
Vai chegar a fase em que os amigos serão mais importantes que os pais.
Que nossas demonstrações de afeto serão consideradas um grande mico.
Que em vez de torcemos para que eles durmam, torceremos pra que cheguem logo em casa.
Que não se interessarão pelos velhos brinquedos.
Que o alvoroço na hora do almoço, dará lugar a calmaria.
Que os programas em família serão menos atrativos que o churrasco com a turma.
Que dirão coisas tão maduras que nosso coração irá se apertar.
Que começaremos a rezar com muito mais freqüência.
Que morreremos de saudade de nossos bebês crescidos.

Por isso...

Viva o agora.
Releve as birras.
Conte até 10.
Faça cosquinhas.
Conte histórias.
Dê abraços de urso.
Deite ao lado deles na cama.
Abrace-os quando tiverem medo.
Beije os machucados.
Solte pipa.
Brinque de boneca.
Faça gols.
Comemorem.
Divirtam-se.
Acorde cedo aos domingos pra aproveitar mais o dia.
Rezem juntos.
Estimule-os a cultivar amizades.
Faça bolos.
Carregue-os no colo.
Faça com que saibam o quanto são amados.
Passem o máximo de tempo juntos...
Assim quando eles decidirem partir para seus próprios vôos, você ainda terá tudo isso guardado no coração!" 


(Cinthia Morallles - Blog Mãenual de Instruções)


Eu já conhecia, cheguei até a postá-lo no meu perfil do facebook a um tempo atrás, mas hoje ele tomou um sentido diferente para mim.

Isso porque andei remexendo nas fotos da Malu (finalmente, mandei revelar algumas fotos digitais) e me dei conta do quando ela cresceu! 

Bateu aquela saudade...
Saudade de quando ela era pequetitinha e eu a segurava com um só braço...
Saudade de quando eu era a sua fonte de alimento...
Saudade de quando ela dormia só no meu colo... 

Eu sei que vou sentir muito mais saudade... Afinal, ela vai continuar crescendo!

É por isso que eu não nego o colo que ela me pede cheia de manha, dou muitos abraços e beijos, digo o quanto a amo toda noite antes de dormir, levo para minha cama sempre que ela acorda no meio da noite e faço bolos, muitos bolos!!!


Ah, saudade da minha bebezinha (aqui com 2 meses)

10 comentários:

  1. Esse texto é lindo!!
    Temos mesmo que aproveitar cada momento e cada pedacinho dos nossos pequenos!
    Bjs!

    Carlah Ventura
    Blog: Intensa Vida

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É verdade, Carlah!
      Obrigada pela visita e comentário!
      Beijos!

      Excluir
  2. Owm cumadi que texto lindo, realmente é o que sinto por isso que sempre me pego admirando ela, e me pego sorrindo sozinha vendo como aquela bonequinha cresceu, por isso devemos aproveitar mesmo, bjsss. Ariane

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, cumadi.
      Fico muito feliz com a sua visita no meu cantinho!
      Olha só na foto como a Laurinha cresceu!
      Beijos!

      Excluir
  3. Esse texto é lindo, então vamos refletir e ser mães e pais corujas sim.

    http://soumaedecinco.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Leila
      Ser coruja é tudo de bom, né?
      Beijos!

      Excluir
  4. Eu tbm amo esse texto! Nos identificamos muito com ele né?
    Fotos por aqui eu sempre mando revelar. Já nem tenho onde colocar... E sempre que paro para vê-las bate aquela saudade e a felicidade de ter sido escolhida pra ser a mãe do meu Kaleb, é muito bom né?
    Bjs em vcs!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eles são mesmo presentes de Deus, Mi!
      Beijos!

      Excluir
  5. vdd amiga, vamos sentir muitas saudades e de tudo, por isso temos que aproveitar cada segundo ao lado dos filhos. Adorei o texto, diz muito.
    Bjos
    Tatty
    http://diariomaedeprimeiraviagemtatty.blogspot.com.br/
    Bjos

    ResponderExcluir

Muito obrigada pelo seu comentário!
Eu respondo por aqui. Volte para dar uma olhadinha na resposta.
Se precisar de uma reposta mais urgente, mande um e-mail lucianawinck@hotmail.com
Beijos!